Info+News+Tech

É comum encontrarmos na internet ou até mesmo fora dela, relatos de profissionais qualificados, mas que por terem a média de idade na casa dos 40, 50 anos, são descartados no mercado de trabalho. O que chama a atenção é o fato de que, na maioria das vezes, estes profissionais se enquadram no perfil desejado nas oportunidades em que se candidatam, porém, raramente são chamados para ocupar o cargo em questão.

Atualmente, o mercado de trabalho em alguns setores da economia sofre com a escassez de mão de obra qualificada e ainda assim resiste em contratar profissionais que não sejam jovens ou recém formados. Pessoas com anos de experiência, vários cargos e empresas diferentes no currículo, se tornam “descartáveis” no mercado apenas por ter idade próxima ou superior aos 40 anos. É consenso de que no mercado de informática, por exemplo, exige dos profissionais constante atualização de suas qualificações no que diz respeito as linguagens e novas tecnologias. Porém, quando não existe toda a qualificação exigida, muitas empresas preferem treinar um jovem profissional para determinada função do que apostar em um profissional maduro e experiente para atender as necessidades desta empresa. Além disso, a contratação de um profissional com este perfil contribui com a formação dos colegas mais jovens, uma vez que seu conhecimento a respeito do mercado pode ser compartilhado com os demais.

O preconceito infelizmente existe, porém, dados revelados pelo IBGE mostram que a tendência é que o perfil dos profissionais no futuro seja justamente este que sofre discriminação. No ano de 2008, para cada grupo de 100 crianças de 0 a 14 anos existiam 24,7 idosos com idade a partir de 65 anos. A estimativa do IBGE é de que no ano de 2050, para cada 100 crianças com esta idade, existirão 172,7 idosos. Estes números mostram a tendência de que dentro de alguns anos, a idade média dos brasileiros aumente e o mercado conseqüentemente terá de se adaptar a isto. A empresa que fecha as portas para profissionais mais experientes hoje, amanhã talvez só tenha a sua disposição profissionais exatamente com este perfil. Adaptar-se agora e aceitar que, independente da idade, um profissional tem capacidade de exercer suas funções pode fazer a diferença quando o cenário no mercado for outro.

Deixe um comentário

Info.CEVIU