Info+News+Tech

Uma linguagem de programação é uma forma legível de dizer a um computador o que fazer. Qualquer idioma usa uma série de símbolos que representam instruções precisas para um computador. A combinação dessas instruções cria um programa. Existem milhares de linguagens de programação e outras novas são criadas. Isso significa que você tem muitas maneiras possíveis de construir seu site. Com tantas opções, como você pode fazer a escolha certa?

Embora possam parecer semelhantes, não existem duas línguas que agem da mesma forma. Ao decidir sobre uma linguagem de programação para o desenvolvimento de aplicativos da web, não se deixe enganar por uma escolha exagerada. Concentre-se em combinar as ferramentas, bibliotecas e suporte de uma linguagem com suas necessidades de negócios.
Nossos pesquisadores de mercado e desenvolvedores de aplicativos da web colaboraram para criar uma lista das sete principais linguagens para o desenvolvimento de aplicativos da web em 2021.

Melhores linguagens de programação para desenvolvimento de aplicativos da Web


Google “principais linguagens de programação” e você encontrará pesquisas que nomeiam diferentes opções como as melhores de acordo com vários critérios. Por exemplo, o índice PYPL é gerado com base na frequência com que os tutoriais de linguagem são pesquisados ​​no Google, enquanto o índice da comunidade de programação TIOBE considera o número de fornecedores terceirizados e desenvolvedores que usam uma linguagem.

Esses índices são preferidos por engenheiros de software que desejam ver se suas habilidades de programação são exigidas ou se eles precisam subir de nível. Já os empresários ficam de fora e não sabem a melhor linguagem para desenvolver uma aplicação web.

Nesta postagem, nossos desenvolvedores de aplicativos da web compartilham ideias sobre as opções de linguagem mais populares de 2021. Estude-os antes de contratar uma agência de desenvolvimento de aplicativos da web.

Python
Python é a linguagem de programação de crescimento mais rápido, com Django e Pyramid como seus frameworks mais populares. Em 2018, Python mostrou um crescimento de 456% em popularidade em relação ao ano anterior, e seu aumento consistente continua.

A simplicidade de codificação de estruturas complicadas em Python é um grande motivo pelo qual o desenvolvimento de aplicativos da Web usando Python está em alta. Python ajuda os engenheiros de software a reduzir o tempo de desenvolvimento de horas para minutos. Confira o infográfico abaixo e aprenda mais sobre por que usamos Python para desenvolvimento web.

Python ajuda os desenvolvedores a construir o lado do servidor, ou back-end, de um aplicativo. O backend armazena o banco de dados e controla como os dados viajam de e para o servidor.

Python é conhecido por suas muitas estruturas orientadas para a web que ajudam os desenvolvedores a criar aplicativos funcionais. Os mais populares são Django, Pyramid, Bottle, Flask, CherryPy, WebApp2 e TurboGears.

Django é usado com mais frequência do que outros frameworks Python porque tem ferramentas para construir aplicativos da web mais rápido e com menos código. Este kit de ferramentas ajuda os desenvolvedores a adicionar facilmente os principais componentes do site, como autenticação, painéis de gerenciamento e estruturas para processamento de arquivos. Sem o Django, um desenvolvedor teria que codificar todos esses recursos tradicionais manualmente em vez de se concentrar em novos componentes.

A adoção do Python pelo Google, Facebook, Instagram, Spotify, Quora, Netflix, Dropbox e Reddit para tarefas do lado do servidor trouxe esta linguagem a um novo pico de popularidade. E continua a subir.

Java
A programação com Java é popular especialmente para bancos e projetos da Web da FinTech, pois, em comparação com muitas outras linguagens de programação, Java oferece melhor segurança e funcionalidade.

De acordo com o índice PYPL, Java é agora a segunda linguagem de programação mais popular, atrás de Python e seguida por JavaScript.

Java se tornou uma escolha popular, pois permite escalabilidade vertical e horizontal. Com o Java, os desenvolvedores precisarão de menos horas e codificação menos invasiva para melhorar o desempenho e os tempos de resposta do seu site.

Outra grande vantagem do Java para o desenvolvimento de aplicativos da web é que ele é uma ferramenta de plataforma cruzada. O Java Runtime Environment traduz o código em código de máquina compatível com o sistema operacional nativo, seja Linux, Windows ou macOS.

Java tem excelentes estruturas para desenvolvimento de aplicativos da web, incluindo Spring, JSF, GWT, Play !, Struts, Vaadin e Grails. Devido à sua capacidade de construir aplicativos da web complexos com alto desempenho, Spring é a estrutura Java mais poderosa para o desenvolvimento de aplicativos da web.

Embora o Spring forneça vários módulos para a criação de aplicativos da web, Spring Boot e Spring MVC foram os mais populares por dois anos consecutivos.

Spring Boot é uma combinação da estrutura Spring e serviços incorporados. Ele permite que os desenvolvedores inicializem rapidamente, evitem o código clichê e aumentem a produtividade. Spring MVC é uma estrutura de controlador de visualização de modelo que contém arquivos de configuração e recursos prontos para uso para desenvolvimento rápido de aplicativos.

No final de 2020, Java era uma das linguagens de programação mais populares para o desenvolvimento de aplicativos da web, permitindo que os engenheiros de software criassem aplicativos exclusivos com menor custo e em menos tempo. Espera-se que continue popular e seja amplamente usado em 2021.

PHP
A linguagem de programação PHP está morta apenas se você ignorar as estatísticas de uso. Embora o PHP não seja moderno, oito em cada dez sites são construídos com essa linguagem.

PHP é uma linguagem de script multifuncional para construir aplicativos da web inteiros ou seus elementos interativos. Usando PHP, os desenvolvedores podem criar sistemas de gerenciamento de conteúdo (CMSs) e sistemas de banco de dados online, painéis de mensagens, sites baseados em assinatura, aplicativos de jogos da web, blogs com recursos de comentários e sistemas de registro.

PHP é parcialmente uma linguagem orientada a objetos que torna possível a reutilização de código. Os componentes reutilizáveis ​​economizam os esforços dos desenvolvedores e reduzem o tempo necessário para o desenvolvimento de aplicativos da web personalizados.

O código escrito em PHP é compatível com Linux, Windows, Unix e macOS e suporta mais de 20 bancos de dados e a maioria dos servidores. O grande potencial de personalização da linguagem, processamento rápido de dados e integração fácil com diferentes CMSs a tornam uma boa escolha para páginas da web dinâmicas. As duas estruturas de PHP a seguir tornam o desenvolvimento rápido de aplicativos da web uma realidade, fornecendo código bem organizado e reutilizável.

Laravel é o framework PHP mais popular. É um kit de ferramentas elegante com um rico conjunto de recursos que aumentam a velocidade de desenvolvimento de aplicativos da web. O Laravel dá aos desenvolvedores acesso a funcionalidades como cache, gerenciamento de sessão e autenticação. Isso permite que os desenvolvedores ignorem muitas tarefas básicas, especialmente ao desenvolver um site do zero.

Symfony é um framework altamente flexível inspirado no Django que é usado principalmente para lidar com aplicativos corporativos com milhões de conexões. O Symfony permite que os desenvolvedores usem todo o framework ou escolham as funções de que precisam, o que é um recurso importante para aqueles que se preocupam com modularidade.

O PHP é frequentemente culpado pelos desenvolvedores por sua falta de bibliotecas dedicadas. Mas cada nova versão do PHP para o desenvolvimento de aplicativos da web mostra um desempenho atualizado.

Rubi
Ruby é uma linguagem de script dinâmica com sintaxe de alto nível. Ele foi criado para encontrar um equilíbrio entre a programação imperativa e a funcional e fazer o código parecer mais natural. Ruby é direto e lido como o inglês, o que o torna uma escolha popular entre os iniciantes.

Como Python, Ruby é uma linguagem de propósito geral e é usada principalmente para criar aplicativos da web. Mas a linguagem de programação Ruby também possui outros aplicativos, incluindo prototipagem e análise de dados.

Ferramentas gratuitas de Ruby e bibliotecas com recursos básicos facilitam o desenvolvimento de aplicativos da web. Os aplicativos integrados em Ruby são fáceis de escalar. As empresas podem lançar aplicativos da web Ruby básicos e escalá-los em aplicativos Ruby poderosos que lidam com milhares de solicitações simultâneas de usuários.

Ruby on Rails (RoR) é uma estrutura Ruby de software livre popular. Grande velocidade, simplicidade e uma experiência de codificação agradável são três razões pelas quais RoR se destaca de outros frameworks Ruby como Sinatra, Padrino, Hanami e Cuba. RoR e Django são muito comparáveis. Cada um fornece muitas bibliotecas, visualizações, modelos, migrações de banco de dados e controladores – tudo que um engenheiro de software espera de uma estrutura. Pacotes de aprendizado de máquina (ML) bem documentados em Python e a falta deles em Ruby são a única exceção notável.

Portanto, se você pretende criar um aplicativo da web com elementos de aprendizado de máquina, use Python e Django.

JavaScript
JetBrains afirma que a linguagem de programação do lado do cliente JavaScript é a escolha principal para o desenvolvimento dinâmico de páginas da web. Até o momento, o JavaScript é usado por 98,8% de todos os sites .

O código JavaScript é simples e flexível, fácil de escrever e fácil de depurar. Além do mais, ele pode ser usado dentro de scripts escritos em outras linguagens de programação.

Em vez de ser executado no servidor do site, o JavaScript é executado no dispositivo do usuário. Isso minimiza as solicitações do servidor e melhora a experiência do usuário. JavaScript também pode transformar sites estáticos em aplicativos da web, permitindo que os desenvolvedores adicionem funcionalidade de menu, animações e interações de foco.

A maioria dos frameworks JavaScript são como bons livros de receitas: eles têm documentação completa com descrições completas de recursos. A estrutura React JavaScript é suportada pelo Google, enquanto Angular é suportado pelo Facebook. A documentação detalhada aumenta a velocidade de desenvolvimento de aplicativos da web.

Há alguns anos, os desenvolvedores de JavaScript usavam principalmente React e Angular. Mas como a comunidade de desenvolvedores tem um interesse crescente no Vue, todas as três estruturas JavaScript assumiram posições sólidas no mercado de desenvolvimento de software. Basta verificar o número de estrelas nos projetos do GitHub para esses frameworks.

Para cobrir todos os aspectos do desenvolvimento moderno de aplicativos da web, a maioria das estruturas trabalha com ferramentas adicionais. O Angular pode fazer o trabalho sozinho, no entanto. Essa estrutura fornece modelos e componentes prontos de qualidade. Alguns dos melhores aplicativos da web, como o Google Play Store, o aplicativo da web Xbox da Microsoft, Office 365 para web, Netflix, YouTube e PayPal, são baseados no Angular. O Angular tem uma estrutura modular que permite aos desenvolvedores organizar canais, serviços, diretivas e outros componentes em depósitos separados. Esses componentes independentes são fáceis de substituir ou dimensionar. Além disso, o Angular é atualizado com frequência e cada nova atualização vem com melhorias de desempenho.

React é mais como uma biblioteca de interface de usuário funcional, não uma estrutura totalmente desenvolvida. Ele permite que os desenvolvedores criem interfaces de usuário com componentes que podem ser alterados com o tempo, sem a necessidade de reescrever códigos complicados. Além disso, embora a maioria dos frameworks JavaScript não funcionem bem com os mecanismos de pesquisa e, portanto, reduzam as classificações dos mecanismos de pesquisa, os sites React são renderizados no lado do servidor, tornando-os mais rápidos e melhorando o SEO.

O desenvolvimento de aplicativos da Web usando JavaScript Vue.js está em ascensão. O Vue é considerado uma estrutura progressiva para o desenvolvimento de aplicativos de página única (SPA). A ideia por trás do Vue era codificar usando apenas algumas linhas, obtendo bons resultados com o mínimo de esforço. Hoje, esse framework JavaScript é pequeno, superando os volumosos Angular e React. Você pode baixar rapidamente o Vue e começar a usá-lo. O Vue inclui recursos como observadores, propriedades computadas e diretivas que transformam um processo de desenvolvimento demorado em uma brisa. Além disso, ele pode ser integrado a outros aplicativos da web construídos em JavaScript.

TypeScript
Typescript é um sabor ou um super conjunto de JavaScript que se tornou uma escolha crucial para o desenvolvimento frontend de aplicativos do navegador. Essa linguagem orientada a objetos fortemente tipada costuma ser chamada de conjunto de ferramentas ou JavaScript mais recursos extras.

Por que o TypeScript apareceu? JavaScript é conhecido por ser dinâmico e flexível. Mas a flexibilidade dessa linguagem torna seu código sujeito a erros. A função do TypesScript é apresentar informações estáticas no código JavaScript. Essas informações estáticas tornam o código menos sujeito a erros e mais fácil de ler, entender e depurar.

HTML / CSS
HTML e CSS são linguagens de programação emparelhadas para construir o front-end de um aplicativo da web. Eles podem ser complementados por JavaScript.

HTML é o bloco de construção básico de um aplicativo. Essa linguagem dita a estrutura e o conteúdo de uma página da web. A principal desvantagem do HTML é que ele não pode ajudar os desenvolvedores a tornar os aplicativos da web interativos. Para aprimorar as páginas HTML com um estilo estético e prompts de interface, adicionar um design e exibir todos os elementos HTML, os desenvolvedores usam CSS. Confira os usos específicos das linguagens de desenvolvimento de aplicativos da web HTML, CSS e JavaScript abaixo.

Enquanto o HTML define a estrutura de uma página, o CSS dita a aparência da página. A tarefa do JavaScript é definir o comportamento da página: validação, alterações dinâmicas de conteúdo, manipulação de imagens.

Como você pode escolher a melhor linguagem de programação para desenvolvimento web?

Esses três critérios podem ajudar o proprietário de uma empresa a escolher a pilha de tecnologia certa para seu aplicativo da web:

1- Tamanho e complexidade – ferramentas simples sem módulos e bibliotecas extras são a escolha usual para pequenos aplicativos da web. Projetos complexos da web com um amplo escopo de funcionalidade (como aplicativos FinTech, redes sociais ou plataformas de negociação) requerem mais de uma linguagem de programação.
2- Extensibilidade – Quer alcançar milhões de usuários? Se você fizer isso, seus servidores de aplicativos da web precisarão ser capazes de trabalhar sob cargas pesadas sem atrasos. Para isso, você precisará de tecnologias que garantam escalabilidade vertical e horizontal.
3- Tempo, dinheiro, equipe – o desenvolvimento rápido de aplicativos da web ajuda as empresas a ficarem à frente de seus rivais.

Além desses critérios que você deve considerar ao planejar como desenvolver um aplicativo da web do zero, esses são três fatores que não devem determinar sua escolha de linguagem de programação:

1- Seus aplicativos da web anteriores – não importa o sucesso de seus projetos anteriores, suas pilhas de tecnologia não devem ditar a linguagem de programação que você escolher para seu projeto atual. Todos os projetos são únicos e possuem demandas específicas.
2- Suas preferências pessoais – mesmo que você tenha anos de experiência em desenvolvimento, mantenha-se atualizado com as tendências e necessidades atuais.
3- Projetos de seus concorrentes – você certamente pode aprender com as experiências de outras pessoas. Mas você não deve seguir cegamente os outros, já que tudo o que você vê são os resultados do trabalho deles, sem saber nada sobre o histórico do processo de desenvolvimento.

Encontre aqui centenas de vaga de tecnologia.

Deixe uma resposta

Info.CEVIU